Postagens

Mostrando postagens de 2017

ENTREVISTA DO MÍSTICO INDIANO OSHO,PELO CORREIO BRASILIENSE - A RELIGIÃO COMO UMA PRÁTICA DE ALIENAÇÃO DO SER HUMANO

Imagem
Correio Braziliense entrevista o Místico indiano, OSHO (LEGENDADO)

Publicado em 23 de jan de 2017
2° entrevista 
Depoimento de Devam Bhaskar (entrevistador) sobre as 2 entrevistas que fez e sobre o tempo em que foi discípulo e morou com OSHO por 2 anos:
https://www.facebook.com/bhaskar.deva...
Correio Braziliense entrevista o Místico indiano, OSHO (LEGENDADO)

POR QUE EXERCITAR A ARTE DA ESCUTA ATENTA ? - OSHO

Imagem
Por que exercitar a arte da escuta atenta?
Vá a um templo JAINA e você verá vinte e quatro estátuas dos TIRTÂNKARAS JAINAS — as pessoas que são como Jesus, Buda, Zarathustra — e você se surpreenderá: eles parecem ser exatamente o mesmo. Não é possível: você não pode encontrar vinte e quatro pessoas exatamente iguais. Nem JAINAS podem fazer a distinção de quem é quem. Eles não podem dizer quem é Mahavira e quem é Neminath e quem é Parshwanath e quem é o primeiro e quem é o último, porque eles parecem absolutamente iguais — os mesmos rostos, os mesmos narizes, os mesmos olhos, os mesmos corpos, a mesma posição. Para distinguir que eles são pessoas diferentes, os JAINAS descobriram os símbolos: o símbolo mostra um leão ou algo assim, que mostra de quem é a estátua. 
Por que eles a fizeram iguais? Certamente elas não são históricas. Elas são iguais porque os escultores jainas não estavam interessados na História, eles estavam interessados no FENÔMENO INTERIOR. Aqueles homens tinham atingido…

TANTRA - A SUPREMA COMPREENSÃO - OSHO

Imagem
Tantra - A Suprema Compreensão (Osho)
Mahamudra - A experiência definitiva
A experiência do definitivo não é, absolutamente, uma experiência, porque quem experimenta está perdido. E onde há aquele que experimenta, o que se pode dizer da experiência - Quem o dirá? Quem relatará a experiência? Quando não há sujeito, o objeto também desaparece: as margens desaparecem, apenas o rio da experiência permanece. O conhecimento ali está, mas o conhecedor está ausente. Este tem sido o problema dos místicos. Alcançam o Definitivo, mas não podem relatar aos que lhes vêm após. Não podem relatá-lo a outros, que gostariam d ter essa compreensão intelectual. Tornaram-se um com o Definitivo. Todo o seu ser o relata, mas a comunicação intelectual é impossível. Poderão dá-lo a ti, se estiveres pronto para recebê-lo, poderão permitir que o alcances, se também o permitires, se fores receptivo e aberto. Mas as palavras não farão isso, os símbolos não ajudarão, teorias e doutrinas não serão de uso algum. A exper…